Após decreto de Temer, FAB faz o primeiro transporte de órgão de Salvador para Recife

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

A Força Área Brasileira (FAB) fez, nesta quinta-feira (9), o primeiro transporte para doação de um órgão humano para Pernambuco, após o decreto do presidente em exercício, Michel Temer, para que a Aeronáutica mantenha permanentemente à disposição um jato para atuar no transporte de órgãos e tecidos para transplantes. O órgão saiu da Base Aérea de Salvador com destino ao Recife.

transplante_2

Na chegada à capital pernambucana, o tenente-coronel Cláudio David, do Segundo Comando Aéreo Regional, que participou da operação de transporte no Nordeste, se disse bastante satisfeito, já que a medida pode salvar vidas. “Poder contribuir para uma missão de tamanha relevância realmente é uma satisfação que cada elo desse sistema sente e pode passar para a sociedade, uma sensação de dever cumprido”, comentou.

A solicitação, segundo a FAB, partiu do Real Hospital Português. O órgão transportado foi um fígado. De acordo com a unidade de saúde, não foi possível fazer o transplante, porque a equipe médica avaliou que o órgão veio em condições inviáveis para a realização do procedimento cirúrgico.

Reportagem publicada no domingo (5) pelo jornal “O Globo” informou que não havia jato da FAB para o transporte de emergência de órgãos para um transplante, trazendo o relato da rotina de dificuldades de equipes médicas do país para viabilizar o transporte aéreo de órgãos e tecidos doados para salvar a vida de pessoas que aguardam na fila de transplantes.

Da redação com G1

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar