Petrobras entra na Justiça contra empreiteira e executivos denunciados

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

LAVA-JATO

Postado em 08 de maio de 2015

Petroleira é reconhecida como vítima na investigação e, por isso, está entrando com as ações para recuperar o valor perdido

A Petrobras entrou na justiça contra as empreiteiras e executivos denunciados por corrupção na Operação Lava-Jato, pela primeira vez. O objetivo da estatal é reaver o valor R$ 6,194 bilhões com o acréscimo de multas e danos morais.

petrobras

A petroleira é reconhecida como vítima na investigação e, por isso, está entrando com as ações para recuperar o valor perdido por aqueles que praticaram atos corruptos contra a mesma.

A primeira empresa alvo de ação cívil da estatal foi a empreiteira Engevix, a qual é pedido o ressarcimento de cerca de R$ 154 milhões. A Petrobras entrou com o pedido no dia 30 de abril.

Nas próximas semanas, outras três empresas devem ser alvo de ações. A Galvão Participações S/A deve ser cobrado o montante de R$ 302 milhões; da OAS, R$ 282 milhões; e da Camargo Corrêa, R$ 241 milhões.

O ex-gerente da Petrobras, Pedro Barusco, já havia se comprometido a ressarcir parte do valor desviado no esquema de corrupção. Os R$ 157 milhões devem ser depositados nesta segunda-feira (11).

Edvaldo Trindade – Latino News Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar