Filho de Bruno Covas, Tomás, de 15 anos, foi companheiro inseparável