Bolsonaro diz que atos da oposição são “minoria” e “dignos de dó e pena”