Testemunha da chacina em São Paulo foi morto a tiros

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Policial
Postado em 08 de novembro de 2015
Diário de PE
Um segurança particular que era a principal testemunha de chacinas com o envolvimento de policiais militares na Grande São Paulo em 2012 e 2013 foi assassinado na manhã de anteontem. David Sabino de Oliveira Filho, de 32 anos, foi morto a tiros na frente de um pequeno comércio que mantinha em Osasco, onde parte dos assassinatos em série aconteceu.
A testemunha forneceu várias informações sobre mortes em série ocorridas em Osasco e Carapicuíba em 2012 e 2013. Na época, ele trabalhava como segurança particular na cidade e chegou a trabalhar com policiais militares. Seus depoimentos resultaram em cinco prisões preventivas e na identificação de um sexto suspeito, que está foragido, segundo relatou em nota a Secretaria de Segurança Pública (SSP).
Oliveira Filho foi baleado por volta de 10h30 de sexta-feira na Avenida João de Andrade, Jardim Roberto, bairro de Osasco. De acordo com informações da SSP, uma testemunha viu três homens atirarem contra o segurança. Não foi possível, entretanto, identificar os atiradores.
A morte é investigada pelo Setor de Homicídios da Polícia Civil da cidade, que começou a colher depoimentos anteontem.
Neto Lira – Latino News Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar