Bandidos postam selfie com objetos roubados no Whatsapp e vão presos

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

ESPIRITO SANTO

Postado em 30 de maio de 2015

Da Gazeta Online

Eles assaltaram uma casa em Laranjeiras na Serra e fugiram em seguida, levando televisão, roupas, joias e um boné.

A vontade de ostentar e o descuido, acabaram levando dois assaltantes para a cadeia, na manhã desta sexta-feira (29), na Serra. Diego Santos Souza, 27 anos, e Gustavo de Oliveira Campos, 21, foram presos após um deles divulgar na internet uma foto posando com objetos roubados.

Foto de perfil do Whatsapp de Diego Santos Souza, preso acusado de roubar uma casa no bairro Laranjeiras, na Serra
Foto de perfil do Whatsapp de Diego Santos Souza, preso acusado de roubar uma casa no bairro Laranjeiras, na Serra

Além disso, a imagem só foi descoberta, porque Diego, voltou na casa da vítima no dia seguinte ao assalto, procurando por um comparsa, e forneceu o próprio número de telefone como contato.

O crime aconteceu no dia 25 de março deste ano. Diego e Gustavo invadiram a casa onde vivem dois irmãos, um eletricista de 21, e um universitário de 22 anos, em Bairro das Laranjeiras. Cada um estava armado com uma faca. Eles usavam capacetes para esconder os rostos. Enquanto um rendia as vítimas, o outro saqueou a casa. Os dois fugiram em seguida, levando televisão, roupas, joias e um boné.

A dupla invadiu o imóvel usando a cópia da chave do portão, fornecida por um pedreiro que trabalhava em uma obra no local. O suspeito, Jiubergue dos Santos Moreno, 36 anos, está foragido e é procurado pela polícia.

Foto: Marcos Fernandez - Material apreendido com Gustavo de Oliveira Campos, preso acusado de roubar uma casa no bairro Laranjeiras, na Serra
Foto: Marcos Fernandez – Material apreendido com Gustavo de Oliveira Campos, preso acusado de roubar uma casa no bairro Laranjeiras, na Serra

“Vacilo”

Espertamente, um dia após o crime, Diego voltou à casa dos irmãos, procurando por Jiubergue, e dizendo que precisava da indicação de um pedreiro para fazer uma obra. O universitário atendeu o criminoso no portão e disse que o pedreiro não estava.

Então Diego, forneceu à vítima o próprio número de telefone como contato. Uma semana depois, o estudante mexendo nos contatos do celular encontrou a foto do bandido no perfil do whatsapp, e reconheceu que o boné e o cordão que o ladrão usava na “selfie”, eram do irmão dele.

O caso foi denunciado à polícia, que após investigações, conseguiu prender a dupla. Os dois confessaram o assalto. Os dois foram autuados por receptação e como não pagaram uma fiança de R$ 3 mil, foram levados para o presídio.

“Inicialmente eles foram presos por receptação. Mas, assim que o inquérito for remetido à justiça, eles vão responder por roubo qualificado”, explicou o delegado Isaías Tadeu Vieira.

Um homem que comprou um relógio roubado das vítimas, também foi preso e autuado por receptação.

Júnior Trindade – Latino News Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar