Saída de Merkel por doença seria um “minitrauma”, diz especialista