Brasileira desaparecida na Espanha é encontrada. Veja o que aconteceu.

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

brasileira-barcelona

A família de Quellene Christiana Ribeiro, a brasileira de 23 anos que teria desaparecido em Barcelona, na Espanha, divulgou uma mensagem em redes sociais informando que ela reapareceu. Conhecida como Chris Ribeiro, a jovem foi encontrada pela polícia no centro da cidade.

“Amigos e amigas, queremos agradecer a todos que de uma forma ou de outra contribuíram no trabalho de buscas pela Chris Ribeiro. Graças a Deus ela foi encontrada pela polícia espanhola. De acordo com os policiais, a Chris foi sequestrada e após a grande repercussão do caso, foi abandonada no Centro de Barcelona, onde foi encontrada pelos próprios policiais que faziam buscas”, informou a família. Ainda segundo os parentes, a jovem está num hospital sedada e desorientada, mas passa bem.

Antonio Caminha, amigo da jovem que a hospedava em Barcelona, contou ao jornal EXTRA que Quellene foi localizada pela polícia desorientada num restaurante.

– Ela não lembra de nada, mas a suspeita é de que tenha sido vítima de um “boa noite Cinderela – disse.

Um cunhado, que preferiu não se identificar, disse que a família, agora, espera o aval da polícia espanhola para decidir sobre a volta de Chris ao Brasil.

– Ainda não tivemos contato direto com ela. Estamos recebendo as informações diretamente da polícia. Nossa vontade é que a polícia a coloque no primeiro avião para o Brasil – disse.

Entenda o caso

Chris Ribeiro estava em Barcelona a passeio, e lá ficaria até o dia 15 deste mês. A jovem comunicava-se com amigos e parentes com frequência, além de postar fotos nas redes sociais. Mas, desde a madrugada da última quarta, ela estava desaparecida após sair com um casal de amigos. E, como utilizou o código que havia combinado com a irmã Quelen Ribeiro – a palavra “Aki” -, caso precisasse de socorro e não pudesse dar detalhes no momento, surgiu a preocupação.

“A última mensagem que ela me mandou foi a palavra ‘AKI’ no WhatsApp, por isso estou preocupada. Pois combinamos este código caso ela precisasse de socorro e não pudesse detalhar. Um código de ajuda entre irmãs”, contou Quelen Ribeiro no Facebook, pedindo ajuda para achar a irmã.

Logo a família acionou a Polícia Federal e a Embaixada do Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar