Governador de Massachusetts nos EUA autoriza Polícia Estadual a deter imigrante indocumentado para a imigração

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

O Governador do estado de Massachusetts, Charlie Baker, alterou uma ação na política de imigração assinada pelo seu ex-governador Deval Patrick.

qr35uziziguleqyxnmt8

Com a decisão, a Polícia Estadual recebeu carta branca para deter imigrantes indocumentados, temporariamente, e comunicar o ICE (Immigration and Customs Enforcement ).

O Governo anterior tinha proibido os policiais do estado de agirem em parceria com o ICE e manter imigrantes detidos até a chegada de um agente de imigração. Mas com esta mudança, a parceria retornará.

O ex-governador, Patrick, tinha assinado um decreto retirando Massachusetts do programa Secure Communities, que foi substituído pelo PEP em julho de 2015, e tinha o mesmo objetivo do atual, mas acabou deportando imigrantes trabalhadores que não possuíam registros criminais.

Massachusetts Gov. Deval Patrick, left, and Gov.-elect Charlie Baker shake hands during a news conference at the Statehouse in Boston, Wednesday, Nov. 5, 2014. (AP Photo/Michael Dwyer)
Massachusetts Gov. Deval Patrick, left, and Gov.-elect Charlie Baker shake hands during a news conference at the Statehouse in Boston, Wednesday, Nov. 5, 2014. (AP Photo/Michael Dwyer)

“Esta mudança fornece aos nossos policiais estaduais as ferramentas necessárias para deter criminosos, membros de gangues ou suspeitos de terrorismo procurados pelas autoridades federais”, disse Baker, em comunicado. “Agora eles estão aptos para ajudar na detenção de indivíduos que representam uma ameaça significativa para a segurança pública ou a segurança nacional”, continuou. A mudança entrou em vigor nesta quinta-feira (2)

Do outro lado está o prefeito de Boston, Martin Walsh, que afirmou que a sua administração não seguirá as mudanças assinadas pelo Governador Charlie Baker em relação à participação em um programa considerado anti-imigrante, chamado de Priority Enforcement Program (PEP).

O prefeito acrescentou que em determinadas situações, a polícia de Boston poderá ajudar os agentes federais, mas se negou autorizar os policiais da cidade a deter imigrantes para o ICE por pequenas violações ou infrações de trânsito. “Eu não vejo valor isso”, acrescentou.

O prefeito de Boston afirmou, ainda, que esta decisão pode prejudicar a comunicação entre os imigrantes e as autoridades, bem como amedrontar uma testemunha de algum crime pelo fato dela temer ser entregue para a Imigração. “Nós não fazemos isso em Boston. O que fazemos é, quando a polícia faz uma batida de trânsito, se houver um imigrante não questionamos o seu status legal”, disse. “Mas se há um crime grave e nós descobrimos que esta pessoa está em situação irregular no país, comunicamos as autoridades federais”.

Fonte: Boston.com

Da redação

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar