Lenda do futebol, holandês Johan Cruyff morre aos 68 anos em decorrência de câncer no pulmão

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

LUTO

Postado em 24 de março de 2016

Do Diário PE

Um dos maiores ícones do futebol holandês, o ex-jogador Johan Cruyff teve a falência dos órgãos decretada nesta quinta-feira (24) e morreu aos 68 anos vítima de um câncer. A doença, com foco no pulmão, foi descoberta em outubro de 2015 e vinha sendo tratada desde então.

O site oficial de Johan Cruyff, chamado de o mundo de Johan Cruyff, confirmou a notícia do falecimento do ex-atleta nesta manhã.

A doença pulmonar que custou a vida de Cruyff, no entanto, não foi o primeiro problema de saúde com que o ex-atleta precisou lidar. Na década de 1990, quando estava no Barcelona como técnico, o holandês precisou se afastar do cargo por um período para tratar uma doença cardíaca.

Até seus últimos momentos de vida, já no tratamento da doença, Johan Cruyff afirmava que o futebol vinha se apresentando como uma força motriz diante das adversidades. “Pensar e falar de futebol me deixa alegre e evita que minha mente se preocupe com a doença”, comentou o ex-atleta no De Telegraaf, jornal holandês em que assinava uma coluna.

Como jogador, Cruyff integrou a seleção da ‘laranja mecânica’ na Copa de 1974, quando a Holanda foi vice-campeã; e o atacante, eleito o melhor jogador da competição. Revelado pelo Ajax, Cruyff defendeu o Barcelona por cinco anos, entre 1973 e 1978, quando decidiu se aventurar no futebol dos Estados Unidos, assim como fizeram Pelé e Beckenbauer na mesma época.

Ainda faturou o prêmio da Bola de Ouro – que elege o melhor jogador do mundo segundo a Fifa – três vezes, em 1971,1973 e 1974. No ano de 2004, quando já trabalhava como técnico, Johan Cruyff foi contemplado na lista dos 100 melhores jogadores de todos os tempos feita pela Fifa.

O craque holandês teve dois anos de experiência como técnico do Ajax, mas ganhou notoriedade ao comandar o Barcelona durante seis anos, de 1988 a 1996, conquistando a Copa da Liga Europa em 1992.

Preocupado com questões humanistas, Cruyff optou por direcionar seus lucros a um bem maior a partir de 1997, tirando do papel a ideia de inaugurar uma fundação com seu nome. O projeto Cruyff Court teve sua primeira unidade na América Latina implantada em 2010, na região de Ermelino Matarazzo, zona leste de São Paulo.

Com cerca de 1500 alunos, a instituição lida com jovens de 7 a 17 anos e promove atividades de integração e lazer fora do período escolar. O projeto visa uma melhor qualidade de vida, sobretudo para jovens e adolescentes, nas populações de baixa renda.

Júnior Trindade – Latino News Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar