Jô Soares: hora da despedida

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

ENTRETENIMENTO

Postado em 22 de fevereiro de 2016

Do UOL

Principal talk show da história da TV brasileira, o programa de Jô Soares vai acabar no final deste ano. A temporada que estreia em 28 de março será a última. A decisão foi anunciada na última quinta-feira (18) em reunião da cúpula da Globo com diretores da área artística e autores de novelas. Quem deu a notícia foi Ricardo Waddington, diretor de gênero responsável por atrações como o Amor & Sexo, Domingão do Faustão e Altas Horas, além do próprio Jô.

Jô confirma a informação. “Já estava combinado havia dois anos, desde que eu renovei contrato”, diz. Segundo o apresentador, reuniões nas próximas semanas deverão esboçar como será a despedida da atração. “São 28 anos de programa de entrevista. Foi um belo caminho”, constata.

O futuro do apresentador e humorista ainda não foi discutido. Jô Soares tem contrato com a Globo até o final deste ano e pode renová-lo mesmo com o fim de seu talk show. Aos 78 anos, ele não pensa em se aposentar. “Claro que não vou parar de trabalhar, mas ainda é muito cedo para saber o que vou fazer”, adianta.

O fim do Programa do Jô não chega a ser uma surpresa. Desde o primeiro semestre do ano passado, a emissora já trabalha em um projeto para substituí-lo, um talk show de Marcelo Adnet. A atração deve estrear no segundo semestre em edições semanais, na chamada terceira faixa de shows da emissora (antes do Jornal da Globo). No ano que vem, deve ocupar a vaga do Jô (ou dividi-la com outro programa). O programa de Adnet terá banda, esquetes e sofá, mas receberá apenas um convidado por edição. Um piloto foi gravado com o ator Mateus Solano.

A direção da Globo vem se preocupando com o Programa do Jô desde 2014, quando o talk show passou a ter a concorrência de Danilo Gentili no SBT e a sofrer derrotas eventuais no Ibope. Naquele ano, uma pneumonia afastou Jô do programa durante cinco semanas. Jô voltou mais frágil, sem o vigor de antes no comando das entrevistas, avaliam fontes na emissora.

Mesmo assim, no final de 2014 a Globo renovou contrato com o apresentador por mais duas temporadas. Seu talk show voltou ao ar em 2015 levemente reformulado. O sexteto de músicos virou quarteto e o auditório encolheu.

Jô Soares atua na televisão desde o final dos anos 1950. No começo da década de 1960, trabalhou como produtor do primeiro talk show brasileiro, comandado por Silveira Sampaio. Em 1970, após o sucesso no humorístico Família Trapo, na Record, foi contratado pela Globo. Durante cinco meses, em 1973, apresentou seu primeiro talk show, o Globo Gente. O projeto não vingou, mas Jô não abandonou o sonho. Em 1987, após comandar programas de humor bem-sucedidos na Globo, foi contratado pelo SBT, onde, a partir de 1988, tocou o Jô Soares Onze e Meia, com o mesmo formato do Programa do Jô, que apresenta na Globo desde 2000.

Vamos recordar o programa de estreia do Jô em Abril de 2000 na Rede Globo:

https://www.youtube.com/watch?v=ZXVe1XNmqR4

Júnior Trindade – Latino News Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar