Governo de São Paulo propõe debater a reorganização da rede estadual de ensino

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

EDUCAÇÃO

Postado em 03 de dezembro de 2015

G1

O secretário da Casa Civil do governo de São Paulo, Edson Aparecido, afirmou nesta quinta-feira (3) em entrevista ao SPTV que o governo vai propor uma audiência pública com estudantes e pais de alunos para debater a reorganização da rede estadual de ensino. A reestruturação causa polêmica, e manifestantes contrários ao fechamento de mais de 90 escolas ocupam 192 unidades no estado – segundo o sindicato dos professores, são 208.

“O que nós vamos sugerir aos estudantes é que a gente possa fazer uma audiência pública, o mais rapidamente possível, onde estudantes, professores e pais de alunos possam participar e discutirmos nessas escolas onde os critérios estão sendo questionados uma saída pra que a gente volte, não só às aulas, mas que elas possam também ser repostas”, afirmou Aparecido.

O secretário diz que 62 escolas já foram desocupadas após a Secretaria da Educação dialogar com os manifestantes.

Assim como o governador Geraldo Alckmin (PSDB), Edson Aparecido falou que há instrumentalização política do movimento. “Legítima é a luta dos estudantes. Mas não é possível gente inclusive de fora do nosso estado, gente que quer fazer luta partidária, atrapalhar nossa cidade e impedir esse diálogo de se aprofundar”, afirmou.

O secretário defendeu a reorganização da rede e disse que ela já foi aplicada na quase totalidade das 5.147 escolas do estado. “A reorganização é extremamente importante porque vai nos permitir ocuparmos 700 escolas em ciclo único”, afirmou. Um dos objetivos da reorganização é evitar que alunos de faixas etárias diferentes frequentem a mesma escola.

Neto Lira – Latino News Brasil

Gostou! Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram

TOP RELACIONADOS

Você também pode gostar