Apesar da proibição judicial, candidatos relatam ter visto resultado do Sisu

Apesar da proibição judicial, candidatos relatam ter visto resultado do Sisu

28
Compartilhar

Tocando de Primeira

Candidatos que concorrem a uma vaga em universidade pública pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) relataram por volta das 10h desta terça-feira (28) terem visto a lista com os resultados dos selecionados. De acordo com os relatos, a informação logo saiu do ar.

Em nota ao G1, o Ministério da Educação (MEC) admitiu que as listas do Sisu chegaram a ser publicadas no site do sistema.

Tocando de Primeira

“O Ministério da Educação informa que as listas do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2020 visualizadas, por alguns minutos, na manhã desta terça-feira (28), não representam o resultado oficial. Em razão de decisão judicial, a divulgação do resultado final continua suspensa” – nota do MEC

O resultado do Sisu está embargado por decisão liminar da Justiça de São Paulo. O governo federal já recorreu uma vez e teve o pedido indeferido pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), e agora tenta o Superior Tribunal de Justiça (STJ). O STJ informou que ainda não houve uma decisão sobre a divulgação dos resultados.

De acordo com o cronograma do Sisu, os nomes dos aprovados deveriam ser divulgados nesta terça. Centro da polêmica, as notas dos estudantes no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 são usadas como critério para a seleção das vagas. No sábado (18), o MEC e o Inep, responsável pelo Enem, admitiram que um erro na correção das provas afetou a nota de quase 6 mil candidatos.

Além dos relatos dos estudantes nas redes sociais, o G1 Pernambuco recebeu uma lista com o nome de aprovados no curso de medicina do campus Recife e Caruaru, da Universidade Federal de Pernambuco. Professores confirmaram terem tido acesso à lista, e um deles afirmou que o nome a nota de um dos aprovados conferia com os dados de um candidato que ele conhecia. Candidatos que apareciam com os nomes aprovados confirmaram que nome completo, número de inscrição e média são os mesmos.

Fonte: G1

Tocando de Primeira