10 destinos acessíveis para pessoas com necessidades especiais

10 destinos acessíveis para pessoas com necessidades especiais

186
Compartilhar

Com atendimento específico para pessoas com necessidades especiais e até aluguel de cadeiras de rodas em praias, algumas cidades como Nova York, Dublin, e Califórnia são destinos que investem bastante em acessibilidade

É realmente difícil encontrar uma pessoa que não gosta ou não tem vontade de viajar. No entanto, levando em consideração que as pessoas têm necessidades diferentes umas das outras e muitas delas dependem da acessibilidade, pode ser que nem todo mundo se divirta da mesma forma. Grande parte dos destinos ainda não oferece estrutura ou suporte adequado para a locomoção de pessoas com deficiência física, gerando dificuldades e colocando-as em situações bastante complicadas.

Ainda assim, é, sim, possível encontrar locais que apostam alto em acessibilidade e estão preparadíssimos para receber pessoas com deficiência física e necessidades especiais tanto dentro quanto fora do Brasil. Confira dez destes destinos:

1. Foz do Iguaçu, Paraná

Já muito popular entre os estrangeiros, o turismo nas famosas cataratas em Foz do Iguaçu está sendo redescoberto pelos brasileiros e, para melhorar, isso pode ser feito de forma inclusiva. O turista com dificuldade de locomoção não terá empecilhos para visitar o Parque Nacional do Iguaçu e apreciar a beleza natural das cataratas porque o local é adaptado para receber cadeirantes pela trilha acessível com vista para as águas, além de contar com transporte, banheiro e estacionamento acessíveis.

2. Honolulu, Havaí

Destino bastante conhecido por suas praias paradisíacas, o Havaí também valoriza a inclusão. Na cidade de Honolulu, há o empréstimo de cadeiras de rodas de praia gratuitamente para os visitantes com dificuldades de mobilidade, mais especificamente em Hanauma Bay. Em Kailua Beach Park, as cadeiras podem ser retiradas nos estandes de concessão na Kawailoa Road. É uma ideia muito legal para que todos os turistas possam curtir ao máximo as praias.

3. Califórnia, Estados Unidos

A Califórnia é um lugar com pontos turísticos diversos que vão desde praias a parques de diversão. Para pessoas em cadeiras de rodas, a Silver Strand Beach State, na cidade de Coronado, também tem cadeiras de rodas de praia e esteiras disponíveis para os turistas. Na cidade de San Diego, também são oferecidas as cadeiras para os visitantes, nas praias de Ocean Beach, Mission Beach, Pacific Beach e La Jolla Shores.

Se tratando de parque de diversões, o Legoland, na cidade de Carlsbad, é um dos lugares mais legais para assegurar a diversão de todos. Além de ser totalmente inspirado nos brinquedos de “lego”, as pessoas com deficiência física podem entrar em contato com o escritório de Serviços de Clientes para ter uma visita exclusiva. Os parques da Disney, Disneyland e Disney California Adventure, também contam com serviços de auxílio aos portadores de deficiência em brinquedos, restaurantes, banheiros e até shows.

4. Londres, Inglaterra

Capital inglesa, Londres é uma cidade histórica e muito elegante. Famosa por seus museus e pontos turísticos icônicos, ela guarda sua história em mostras acessíveis para o público. Em 2010, o Museu da Ciência foi reconhecido como uma das melhores atrações turísticas acessíveis do Reino Unido. Já o Museu Tate Modern oferece cadeiras de rodas, tours que permitem que os visitantes toquem em obras de arte, guias de áudio e um guia multimídia com linguagem de sinais para os visitantes com deficiência.

5. Nova York, Estados Unidos

Em qualquer época do ano, Nova York é um dos destinos mais disputados, ótimo para fazer compras e curtir os populares pontos turísticos. Aqui, um cadeirante não tem grandes dificuldades para conhecer o que a cidade oferece; o transporte público é adaptado, as calçadas são planas e largas e também é possível encontrar muletas, cadeiras de rodas, audiodescrição, pisos especiais e sinalização tátil em museus. Um exemplo disso é o Metropolitan Museum of Art, museu localizado na Quinta Avenida, que também oferece programas especificamentes para pessoas com deficiência.

6. Maceió, Alagoas

A orla bem cuidada, com iluminação e pavimentação em dia, aliada à beleza natural das praias de águas mornas ajudaram Maceió a ficar em primeiro lugar na disputa das mais belas cidades brasileiras. Além disso, a cidade também conquistou o topo do ranking de acessibilidade em hotelaria; de acordo com uma pesquisa divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), em 2012 a cidade possuía a maior porcentagem de hotéis adaptados para receber visitantes com necessidades específicas.

Em 2010, também foi inaugurada a primeira jangada adaptada da cidade, que leva cadeirantes às piscinas naturais da famosa praia de Pajuçara.

7. Bonito, Mato Grosso do Sul

Com rios de águas cristalinas, cachoeiras e piscinas naturais paradisíacas, Bonito é, sem dúvida, um dos lugares mais incríveis do Brasil. Além de ser maravilhoso aos olhos, o destino de ecoturismo possui atrações adaptadas a pessoas com deficiência, como o rafting no rio Formoso, rapel no abismo de Anhumas e flutuação no Rio Sucuri. Na avenida principal da cidade, também há a preocupação com cadeirantes: as calçadas são largas e o piso antiderrapante e regular. A parte urbana é equipada com faixas de pedestre que têm sinalização visual e tátil.

8. Dublin, Irlanda

Capital da Irlanda, Dublin é uma das cidades preferidas dos intercambistas brasileiros. A cidade tem uma estrutura plana e, por isso, é conhecida como a mais acessível do mundo, com calçadas e avenidas largas. A maior parte dos pontos turísticos possui entradas acessíveis e até os semáforos têm um tempo diferenciado para que cadeirantes possam atravessar tranquilamente.

9. Barcelona, Espanha

Situada às margens do Mediterrâneo, entre a Costa Dorada ao sul, e a Costa Brava ao norte, Barcelona é um bom destino para todos os meses do ano. Depois de receber os jogos paralímpicos de 1992, a cidade se tornou mais acessível em bares, restaurantes, praças e outros pontos turísticos. É possível também fazer um passeio pela cidade em um ônibus de dois andares com rampa automática.

10. Berlim, Alemanha

Capital da Alemanha, Berlim tem muito a oferecer aos turistas, que são atraídos pelo cunho histórico da cidade e pela paisagem urbana. Com a maior parte de suas estações de metrô adaptadas para pessoas portadoras de deficiência física, a cidade recebeu o prêmio Cidade Acessível da Comissão Europeia e do Fórum Europeu de Deficiência em 2013. Além disso, há museus com obras táteis, assim quem não enxerga pode sentir a peça.

Fonte: Turismo – iG