PT quer gravar programas eleitorais de Lula na cadeia

PT quer gravar programas eleitorais de Lula na cadeia

119
Compartilhar

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva solicitou à Justiça, na última segunda-feira (4), autorização para gravar a campanha eleitoral do petista dentro da sede da Superintendência da PF, em Curitiba.

Como divulgado pela Revista Veja neste sábado (9), a ideia é transformar a cela de 15 metros quadrados, onde Lula está preso deste o dia 7 de abril, em um estúdio improvisado

Nessa sexta-feira (8), o PT realizou um ato em Contagem (MG) para marcar o lançamento da pré-candidatura de Lula às eleições.

Prisão

Lula cumpre sua pena em uma sala especial, por ter sido chefe de Estado. Há uma cama, um banheiro privativo e uma porta normal, ao invés de grades. Uma vez por dia, durante duas horas, ele toma banho de sol em um terraço.

Além de Lula, a sede da PF de Curitiba abriga outros 21 presos no momento. Ela foi pensada para ser um lugar de passagem para detidos geralmente em flagrante. Mas desde o início da Lava Jato, passou a manter de forma mais permanente investigados que negociam delação premiada com a Justiça em troca de redução de pena.

É lá que está, por exemplo, Léo Pinheiro, o executivo da OAS cujo depoimento foi determinante para a prisão do ex-presidente —ele afirmou que o triplex do Guarujá pertencia a Lula. E Antonio Palocci, ex-ministro petista, que deve delatar o antigo chefe em breve. Estar ali é mais confortável do que estar em um presídio comum. “Aqui, ao menos, ele tem alguma dignidade”, disse o petista Jaques Wagner, após visitá-lo na última quinta-feira.

Fonte: Mais PB, com informações de El país