Iván Duque é eleito presidente da Colômbia

Iván Duque é eleito presidente da Colômbia

214
Compartilhar


O candidato de direita Iván Duque, 41 anos, foi eleito para presidir a Colômbia até 2022. Apoiado pelo ex-presidente Álvaro Uribe, que governou o país entre 2002 e 2010, ele obteve 54% dos votos e venceu o esquerdista Gustavo Petro no segundo turno das eleições presidenciais do país, disputadas neste domingo (17).

Ex-roqueiro, como diz em seu próprio site oficial, o advogado tentará dar uma cara mais jovem ao conservadorismo colombiano, de volta ao poder.


No Twitter, Duque agradeceu aos seus eleitores pelo que chamou de “maior votação” da história da Colômbia.

“Quero agradecer a Deus e ao povo colombiano porque uma nova geração chega para governar com todos e para todos, com a maior votação da história de nosso país”.

O atual presidente Juan Manuel Santos parabenizou Duque pela vitória: “Já liguei para Ivan Duque para parabenizá-lo e desejar boa sorte. Ofereci a ele toda a colaboração do governo para fazer uma transição ordenada e tranquila”, disse em seu Twitter.

Duque agradeceu a ligação de Santos e disse que ambos estão prontos para iniciar o processo de transição. Ele também declarou em seu Twitter que recebeu ligações dos presidentes do Chile, Paraguai e Panamá.

O candidato Gustavo Petro, que obteve 42% dos votos, manteve o tom de otimismo ao falar da derrota nas urnas: “Qual derrota? Oito milhões de colombianos e colombianas livres em pé. Não há derrota aqui. Por enquanto, não seremos governo.”

O segundo turno da eleição presidencial colombiana teve uma taxa de abstenção de 47,81%, além de 262.073 votos nulos e 795.510 votos em branco.

Com G1