Vinte e quatro imigrantes tornam-se cidadãos dos EUA em Morristown

Vinte e quatro imigrantes tornam-se cidadãos dos EUA em Morristown

27
Compartilhar

Tocando de Primeira

Trabalhando com seus parceiros no Departamento de Serviços de Cidadania e Imigração dos EUA (USCIS, sigla em inglês), a equipe do Morristown National Historical Park (NHP) sediou no dia 25 de setembro, a 11ª Cerimônia Anual de Nacionalização no Washington’s Headquarters Museum.

Na cerimônia, 24 imigrantes que residem na área de Morristown, New Jersey, originários de 12 países, se tornaram novos cidadãos dos Estados Unidos.

Tocando de Primeira

Eles são oriundos do Brasil, Canadá, China, Colômbia, Equador, Gana, Guatemala, Índia, Nova Zelândia, Paquistão, Reino Unido e Zâmbia.

O superintendente do NHP de Morristown, Thomas E. Ross, e o administrador da Washington Association of New Jersey (WANJ), Russell MacAusland, deram as boas-vindas e parabenizaram os novos cidadãos.

A oficial de serviços de imigração e supervisora do USCIS, Cruz M. Builes, serviu como mestre de cerimônias.

O orador principal foi Patrick Murray, diretor do Instituto de Pesquisa da Universidade de Monmouth, que observou a importância contínua dos imigrantes nos Estados Unidos. “O primeiro feriado federal declarado oficialmente foi o dia de São Patrício, 17 de março de 1780, pelo qual o general George Washington decretou um dia de descanso para os soldados do Exército Continental em homenagem às contribuições de muitos soldados irlandeses para a nova nação”, disse.

Murray também enfatiza a importância do engajamento cívico, não apenas a nível federal, mas também local, e a necessidade de participar das eleições e prestar muita atenção ao que acontece na própria cidade, condado e estado de New Jersey.

Fonte: Brazilian Times

Tocando de Primeira