Defesa de Guerrero usou múmias para diminuir pela metade pena por doping...

Defesa de Guerrero usou múmias para diminuir pela metade pena por doping na Fifa

252
Compartilhar

Tocando de Primeira

Defesa de Guerrero usou múmias para diminuir pela metade pena por doping na Fifa

 

Tocando de Primeira

A queda pela metade da pena imposta pela Fifa a Paolo Guerrero, do Flamengo, é também de “responsabilidade” de três múmias encontradas nas Cordilheira dos Andes em 1999. É que um estudo publicado em 2013, que encontrou produtos da folha de coca nesses corpos, foi usado pela defesa do atacante há 10 dias, no Comitê de Apelação, na Suíça. A história foi adiantada pelo jornal O Estado de S. Paulo e confirmada pelo Esporte Interativo.

O grupo de advogados do atacante, liderado por Bichara Neto e Pedro Fida, buscou um arqueólogo para ajudar a provar que a substância permanece no corpo de uma pessoa até por séculos. Isso além de mostrar a importância cultural da planta na América Latina. Inclusive, o mesmo produto da coca que rendeu a punição a Guerrero foi encontrado em uma das múmias, uma menina com 13 anos à época.

“A prova sozinha não seria conclusiva, mas em conjunto com os demais elementos produzidos foi importante”, disse o advogado Bichara Neto ao Esporte Interativo. Ele continuou: “Era importante contextualizar pra quem julgaria a cultura da coca nos países andinos”.

À espera da Fifa, defesa mantém confiança em absolvição

A história das múmias não marcou o fim do imbróglio de Guerrero com os tribunais. O atacante ainda tenta na Corte Arbitral do Esporte (CAS), a última instância da justiça desportiva mundial, ser absolvido da acusação de doping feita no último mês de novembro. Para isso, no entanto, a defesa ainda aguarda uma resposta da Fifa, que precisa entregar a fundamentação da decisão.

Tanto entre os advogados do atleta quanto no Flamengo, o cenário já é visto como favorável. O Rubro-Negro não se pronuncia, mas segue o caso de perto e demonstra mais otimismo. Tanto que uma rescisão de contrato com o atleta, antes uma possibilidade real com a suspensão de um ano, se tornou menos provável.

 

Tocando de Primeira