Adolescente brasileiro se destaca no Taekwondo nos EUA

Adolescente brasileiro se destaca no Taekwondo nos EUA

782
Compartilhar

NOVA YORK – Prestes a completar 12 anos de idade, Ryan Matthew DeSouza já vem conquistando o seu reconhecimento nos esportes. Filho do casal de brasileiros Fernando e Sandra DeSouza, de Governador Valadares (Minas Gerais), o jovem talento tem se destacado no Taekwondo.

Ele se tornou o número 3 neste esporte, em sua categoria nos Estados Unidos e começou a se destacar em um campeonato realizado em Detroit (Michigan) no ano passado. Atualmente, ele classificou-se para lutar em Salt Lake City (Utah), pela liga USA Taekwondo, em julho de 2018.

Ryan também conseguiu a segunda colocação no estadual pela Amatur Athetic Union (AAU) e ganhou o direito de lutar em Fort Lauderdale (Flórida), em Julho 2018. Essas são as duas ligas mais importantes e fortes dos Estados Unidos.

No dia 08, Ryan ficou em primeiro lugar em Sparring e Poomsae, no 6TH New England Master Championship realizado na cidade de Canton (MA). Os especialistas no esporte o consideram uma das grandes promessas do Taekwondo.

Ryan em combate.

Pelo fato de ter dupla cidadania, Ryan disputará os campeonatos Mineiro e Paulista este ano logo após participar do Nacional nos EUA. Para isso, ele vem se preparando bastante e recebendo aulas privadas do Mestre Luciano Marcal (Academia Marcal Tiger), em Governador Valadares (Minas Gerais). Ambos estão empolgados e a espera de bons resultados.

O campeão Ryan DeSouza.

Os técnicos do garoto, mestre Philip Demetri e mestre Briann Martell estão confiantes que ele se tornará uma referência no esporte. “Esse garoto tem um grande coração, treina duro e ainda encontra tempo para fazer outras atividades. Fisicamente, mesmo ainda tão jovem, ele sempre finaliza os exercícios físicos em primeiro e ainda tem um fôlego extra”, disse a treinadora/mestre Brieann.

Ryan cursa a sexta série do primeiro grau e é um dos melhores alunos em sua escola, recebendo honras no segundo e terceiro bimestres e participando da Math Olympiads que tem quase cinco mil alunos inscritos somente nos Estados Unidos.

O menino tem um novo projeto que é treinar a própria irmã, de 7 anos, Sarah Grace DeSouza. “Família que treina junto, chora, sorri e vence juntos”, finalizou Ryan.

Ele também está a esperar por patrocinadores dispostos a ajudar com as despesas que são bem altas. Para mais informações ligue +1(978)818-3994 ou envie e-mail para [email protected] Todos os recursos financeiros obtidos são exclusivamente para despesas com hotéis, refeições, taxas de inscrições e transportes.

Com Brazilian Times