Pochete foi o “queridinho” das famosas no carnaval

Pochete foi o “queridinho” das famosas no carnaval

11
Compartilhar

A pochete glam rocker que Izabel Goulart usou no Carnaval e chamou atenção com o acessório por onde passou pelos camarotes na Sapucaí custa R$ 500, um preço bem acessível por uma peça feita manualmente com muito strass, cristais e modelo exclusivo. Conheça mais peças do designer que virou queridinho das famosas em apenas três meses e está com o acessório ‘sold out’!

A pochete com muito brilho usada pela top Izabel Goulart para curtir o Carnaval na Sapucaí causou frisson e foi bastante elogiada. O que as pessoas não sabem é que o valor do acessório cheio de cristais, strass e franjas é bem acessível (R$ 500), ao contrário do valor da pochete da Miu Miu usada por Bruna Marquezine que custa R$ 6,4 mil. O item glam rocker é do designer e artista plástico Eduardo Caires, de 32 anos, que começou a trabalhar com customização e aplicação de brilhos há apenas três meses.

NITTA FOI A PRIMEIRA

“Eu comecei esse trabalho de customização das peças em dezembro de 2018. Como eu sempre gostei muito de brilho, decidir revestir jaquetas de couro com cristais, aplicação de broches e correntes com strass. Então, o stylist da Anitta , André Philipe, viu o meu trabalho e usou um blazer de criação minha todo brilhoso para compor um look para uma apresentação da cantora na Colômbia” revelou Caires, que acrescentou que passou a fazer peças mais personalizadas para a dona do hit de “Terremoto” a pedido de seu stylist, como sutiãs e bodychains nessa pegada glamourosa.

POCHETE GLAM ROCKER

Febre nas passarelas, a customização das pochetes vieram logo depois das produções para a cantora. O designer conta que quis dar uma cara nova para uma pochete de couro que ele tinha e que estava desgastada. “Percebi ao ver os desfiles internacionais que os brilhos estavam voltando com tudo. Foi aí que costurei broches e franjas com strass no modelo”. A customização chegou nos bastidores da moda de maneira bem rápida e vários stylist começaram a procurá-lo. A partir deste momento Caires já estava sendo visto como referência em cristais e strass e não demorou muito para que o stylist da top Izabel Goulart o procurasse para pedir que ele customizasse uma peça exclusiva para a angel da Victória Secrets usar no Carnaval.

JOIA FEITA À MÃO

Como cada trabalho é exclusivo e todo feito à mão, o tempo de produção da pochete é cerca de quatro horas. O trabalho é sustentável, com garimpos de peças em bazares e cada modelo é feito de uma forma diferente: com broche único, pingentes diferentes e as franjas costuradas fio a fio. “Cada elo leva um cristal, formando um grande fio que vai compor a franja da pochete. É como se fosse uma joia feita de forma minuciosa”, explica o designer e artista plástico.

PEÇAS DE LUXO SUSTENTÁVEIS E ACESSÍVEIS

De acordo com o artista plástico, o mercado de moda não tem muito esse tipo de trabalho com solda de cristais. “É um trabalho manual e delicado que eu tento trazer de forma mais acessível para levar para as pessoas esse glam, mas sem gastar uma fortuna. As minhas peças estão todas sold out, já com lista de espera”, contou ele que está no mercado da moda há 10 anos.

QUANTO MAIS BRILHO, MELHOR

Como os anos 2000 está voltando com tudo para as ruas, a pochete de strass é super coringa, já que pode ser usada tanto de dia quanto a noite. Ela já dá um ar descolado ao look básico e permeia para a noite com uma vibe bem glam. É a peça chave do look. E se você pensa que para por aí está muito enganada. As pedrarias também estão com tudo na maquiagem e aqui não tem mais isso de colocar um brinco chamativo e evitar de usar outro item de destaque: quanto mais ‘over’ melhor. Dá para misturar os acessórios com metais mais pesados e correntes, deixando o look com mais personalidade.

FAMOSAS QUE PODEM COMEÇAR A USAR

Os stylists de Cleo Pires , Bruna Marquezine , Pablo Vittar e de Ivete Sangalo já procuraram Caires. Será que mais famosas usarão peças com strass de sua criação? Por aqui o Purepeople está de olho.

Fonte: Purepeople